sábado, 31 de janeiro de 2015

O CHURRASCO

POSTAGEM: ALOISIO GUIMARÃES

O Ministro da Educação de determinado país foi convidado para participar de uma recepção em sua homenagem, oferecido pelos alunos que concluíram o ensino superior pelo regime de cotas.
Quando ele chegou ao local, estranhou ver um monte enorme de sacos cheios de um pó branco. Dirigiu-se ao rapaz que estava preparando o churrasco e perguntou:
- O que é que está dentro daqueles sacos?
- É cal, senhor, Ministro.
- Cal? Mas para quê?
- Eu também não sei... Mas as ordens que recebi foram de comprar 102 sacos de cal!
Intrigado, a Ministro dirigiu-se ao responsável pela recepção (um ex-aluno seu, beneficiado pelo sistema de cotas criado pelo próprio Ministro) e perguntou-lhe o que é que pretendia fazer com tanta cal. O ex-aluno, espantadíssimo, comentou que não tinha encomendado cal nenhuma. Então resolveram esclarecer tudo com o rapaz encarregado de comprar tudo que era necessário para o churrasco, para esclarecerem o assunto.
- Quem foi que te mandou comprar tantos sacos de cal?
- Foi você - respondeu o encarregado.
- Eu?! - exclamou o dono da festa.
- Sim, você não se lembra? Veja, ainda tenho aqui a lista do que você escreveu...
E exibiu uma lista enorme de compras que lhe tinha sido dada. O ex-aluno do Ministro, cotista e organizador da festa, disparou:
- Ôxente, mas tu és mesmo burro! Não vê que me esqueci de pôr a cedilha? O que eu queria dizer era çal e não era 102 sacos, mas sim 1 ô 2!

Nenhum comentário:

Postar um comentário