quarta-feira, 6 de julho de 2016

SANTO TOMÁS DE AQUINO E O BOI VOADOR

POSTAGEM: ALOISIO GUIMARÃES

A história abaixo era contada nos livros escolares. Ela pode ser encontrada no livro “Lendas do Céu e da Terra”, do escritor Malba Tahan, autor do famoso livro “O homem que calculava”, leitura imperdível, principalmente para os amantes da Matemática.
Conta-se na ordem de São Domingos que, certa vez, São Tomás de Aquino, um dos grandes autores da Igreja Católica, estava em sua cela, no convento de São Jacques, estudando e trabalhando sobre obscuros manuscritos medievais, quando entrou, de repente, um frade brincalhão, que foi logo exclamando com escândalo:
- Vinde ver, irmão Tomás, vinde ver um boi voando!
São Tomás de Aquino, muito serenamente, ergueu-se do seu banco, saiu da cela e, e foi até o átrio do mosteiro, onde se pôs a olhar o céu, com a mão em pala sobre os olhos fatigados pelo estudo.
Ao vê-lo assim, o frade jovial desatou a rir, ridicularizando o santo frade:
- Ora, irmão Tomás, então és tão crédulo, a ponto de acreditares que um boi pudesse voar?
- Por que não, meu amigo? - respondeu o santo.
E, com a mesma singeleza, flor da sabedoria, São Tomás de Aquino completou:
- Eu preferi admitir que um boi voasse a acreditar que um religioso pudesse mentir. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário