segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

MENINO NÃO MENTE...

Texto de Aloisio Guimarães

Dizem as más língua que o meu amigo Sávio Máximo tem mais medo de viajar de avião do que menino tinha do bicho-papão. E ainda vão mais longe: afirmam que sua esposa, Dra. Lourdes, tem mais medo do que ele! O medo é tanto que enfrentavam dias, viajando de carro, arriscando a vida, para visitar a filha, Dra. Francisca, no tempo em que ela fazia residência médica em Belo Horizonte.
Pois bem, de tanto ouvirem gracejos dos amigos e parentes sobre o medo dos dois, eles resolveram “tomar um chá de coragem” e decidiram que iriam às Minas Gerais, mas de avião, desse no que desse!
Bilhetes comprados, chegou o dia do embarque...
Logo no aeroporto, Sávio começou a “molhar as palavras”, para criar coragem e enfrentar o “asa dura”, sendo repreendido pela patroa:
- Não é possível que você vai querer entrar no avião bêbado?
O Sávio, não perdeu a esportiva e disparou?
- Ôxente! E por acaso é eu que “vai dirigindo”?!
Se olhar fulminante matasse, ele tinha morrido!
Devidamente acomodados, o avião levanta voo...
Lá para as tanta, no maior silêncio a bordo, num momento de turbulência, um medroso garotinho começou a chorar e a berrar:
- Pai! Pai! Esse avião vai cair! Esse avião vai cair!
O Sávio olhou para Dra. Lourdes e, novamente metido a engraçadinho, sussurrou:
- Menino não mente...
Quase apanha!
                                        - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -


POST SCRIPTUM

Hoje, passados alguns anos, eles tomaram mais uma dose de “chá de coragem” - desta vez, uma dose cavalar - e enfrentaram uma maratona de 18 horas de voo até Seattle (EUA), onde estão curtindo a netinha recém-nascida, filha do Dr. Lauro Ivo, que trabalha e mora na cidade.
Como a temperatura em Seattle, desde a chegada deles à cidade, já bateu os - 4ºC, os dois devem estar “congelando” até o tutano.

O que não fazemos pelos filhos e netos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário