segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO: FELIZ NATAL!

Texto atribuído ao Papa Francisco

O Natal costuma ser sempre uma ruidosa festa; entretanto se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do Amor.
Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma.
O pinheiro de Natal é você, quando com sua força, resiste aos ventos e dificuldades da vida.
Você é a decoração de Natal, quando suas virtudes são cores que enfeitam sua vida.
Você é o sino de Natal, quando chama, congrega, reúne.
A luz de Natal é você quando com uma vida de bondade, paciência, alegria e generosidade consegue ser luz a iluminar o caminho dos outros.
Você é o anjo do Natal quando consegue entoar e cantar sua mensagem de paz, justiça e de amor.
A estrela-guia do Natal é você, quando consegue levar alguém, ao encontro do Senhor.
Você será os Reis Magos quando conseguir dar, de presente, o melhor de si, indistintamente a todos.
A música de Natal é você, quando consegue também sua harmonia interior.
O presente de Natal é você, quando consegue comportar-se como verdadeiro amigo e irmão de qualquer ser humano.
O cartão de Natal é você, quando a bondade está escrita no gesto de amor, de suas mãos.
Você será os “votos de Feliz Natal” quando perdoar, restabelecendo de novo, a paz, mesmo a custo de seu próprio sacrifício.
A ceia de Natal é você, quando sacia de pão e esperança, qualquer carente ao seu lado.
Você é a noite de Natal quando consciente, humilde, longe de ruídos e de grandes celebrações, em silêncio recebe o Salvador do Mundo.
Um muito Feliz Natal a todos que procuram assemelhar-se com esse Natal.

15 comentários:

  1. Esse é nosso Papa Francisco!! Que Deus o conserve entre nós por muito tempo. E a você Também.
    Que seu Natal seja feliz. Mapi (Pilar).

    ResponderExcluir
  2. Com certeza o Papa Francisco é um espírito de luz enviado por Deus para nos guiar pelo caminho árduo que trilhamos em direção a nossa reforma moral. Que o Mestre Jesus lhe proteja da maldade humana e lhe conserve entre nós por longo tempo. Lhe desejo um feliz Natal!!!

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Cláudia,
      Esta linda mensagem, atribuída ao Papa Francisco, me foi enviada por amigos, confiáveis, via WhatsApp. Além do mais, quem faria uma mensagem tão bela e não assumiria a autoria, dando créditos ao pontífice? Ninguém.
      Obrigado pela leitura.
      Abraço.

      Excluir
    2. Caríssimos Aloísio, Cláudio e amigos,
      Agradeço a postagem da mensagem, belíssima e edificante. A qual em si, é tanto mais verdadeira quanto mais nos lembrarmos que cada um de nós é sagrado e têm o próprio espírito santo dentro de si mesmo.
      Contudo, que a beleza da mensagem não nos permite a dúvida e a possibilidade de que se atribua a alguém o que ele não disse. Sim, é bom temos por hábito checar as fontes, conforme solicita acima, sabiamente, a Cláudia Pinheiro.
      Vejam que no texto não aparece nenhuma vez a palavra Cristo tampouco a palavra Jesus. Não obstante aparece 16 vezes a palavra você. Vamos refletir se por nós mesmos seriamos tão poderosos para realizar toda a beleza que o texto transmite.
      Mas se entendermos que o amor não é nossa propriedade, mas dádiva. Então também será possível compreender que quanto estamos podendo amar, agradecemos. E se não estamos podendo, se não estamos conseguindo viver, externalizar, ou transmitir o amor, então, ainda assim podemos rezar por essa graça. E se o podemos é certo de que a esse modo já estamos em estado de graça. Estamos em estado de graça pois ansiamos pelo bem. Rezo, agora por aqueles que não estão em condição, nem ao menos, de ansiar pelo bem. Rezo, para que o espírito de Cristo os ilumine desde dentro, e nesse mesmo ato agradeço a dádiva de poder assim desejar e rezar
      E em tudo, vamos sempre nos orientar pelo discernimento, não deixando que os textos passem por nós sem a nossa reflexão amorosa e lúcida. Que não se deixe passar subintendidos que aparentemente são verossímeis e muitas vezes muito ansiados. Queremos ser melhores mas não necessariamente já o somos. E por querer sermos bons, também queremos que o texto seja verdadeiro, com tantas vezes repedida a palavra você. Contudo não é conveniente que, mesmo por distração, o centro fique no próprio “eu”, sistematicamente aclamado e elogiado na palavra “você”.
      Resta a questão sem dúvida: por que alguém mentiria? Muitas poderão ser as repostas, mas por agora proponho desejarmos e rezar pelo bem no coração de quem decidiu fazer a atribuição do texto ao Papa Francisco. Por outro lado também por amor, penso ser nossa missão trabalhar sempre pelo discernimento e clareza de origens e fontes. Sobretudo nos tempos atuais onde o mote é a manipulação. E sobretudo nessa época quando os instrumentos para manipulação são mais poderosos do que nossa fraca capacidade individual.
      O peso está no amor, e o amor dos é dado. Feliz Natal a todos amigos! Que o amor de Jesus nos inunde o coração e nos unifique na Paz de Cristo.

      Excluir
  4. Esse é o Papa Francisco! Que cada um seja o Natal e a paz prevaleça!

    ResponderExcluir
  5. ABSURDO! NATAL É JESUS QUE VEM, NOSSO SALVADOR E REI. TE LOUVO JESUS, TE ADORO. PERDOA A NOSSA CEGUEIRA E INGRATIDÃO. SEM TI, NÃO SOMOS NADA. VEM SENHOR JESUS!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Absurdo! Você não sei mas eu sigo tudo que Cristo nos ensina e ele nos ensinou e ve-lo no rosto de cada pessoa e ama-la como a nós mesmos.

      Excluir
  6. Pessoalmente, acredito que essa mensagem não foi redigida pelo papa Francisco. Recebi ela impressa, ontem, e achei muito estranhos o formato e a redação. Me parece mais um 'spam'. Para consultar o que de fato o papa externaliza, consultar o http://w2.vatican.va/content/vatican/pt.html. Sendo dele ou não, muito obrigado por postar palavras edificantes!!! Abraços e feliz natal!! Deus abençoe!!!

    ResponderExcluir
  7. só alguém verdadeiramente iluminado pode nos transmitir tanto.

    ResponderExcluir
  8. Pe. Francisco Ferreira16 de novembro de 2016 21:52

    Graça e paz!
    Rastreando na internet o origem deste texto, encontrei a postagem mais antiga neste blog.
    Gostaria de saber a fonte do mesmo pois suspeito que nao seja do Papa Francisco, como foi atribuido.
    Atenciosamente,
    Pe. Francisco Ferreira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pe. Francisco.
      Inicialmente, sinto-me honrado com a sua visita ao meu modesto blog. Quanto à sua indagação, transcrevo a resposta dada ao comentário da Cláudia, logo acima:
      "Esta linda mensagem, atribuída ao Papa Francisco, me foi enviada por amigos, confiáveis, via WhatsApp. Além do mais, quem faria uma mensagem tão bela e não assumiria a autoria, dando créditos ao pontífice? Ninguém".
      Abraço.

      Excluir
  9. Agradeço a resposta, mas tenho fortes evidências para afirmar que este texto não é dele. Continuarei procurando e se alguem achar o autor ou uma fonte anterior a esta, faça-me o favor de enviar-me.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, pesquisando a origem desse texto, encontrei um único texto em inglês, de dezembro de 2014 nesse link: https://www.facebook.com/staugustinejob/posts/10152999952796804

      Então, traduzi do espanhol, e consegui encontrar essa noticia de 2013 : http://www.acidigital.com/noticias/cuidado-com-as-doces-palavras-atribuidas-falsamente-ao-papa-francisco-alerta-vaticano-56678/

      Apenas a primeira frase foi dita por ele. O resto é invenção. Ajude a compartilhar.

      Excluir
    2. Pesquisando aqui, encontrei uma mensagem em ingles, de 2014. https://www.facebook.com/staugustinejob/posts/10152999952796804

      Aí, traduzi para o espanhol, e achei essa matéria http://www.acidigital.com/noticias/cuidado-com-as-doces-palavras-atribuidas-falsamente-ao-papa-francisco-alerta-vaticano-56678/

      Espero ter ajudado. Esse texto não é do papa, exceto a primeira linha.

      Excluir