segunda-feira, 12 de junho de 2017

BANHO DE CHUVA

Texto de Aloisio Guimarães 
Nos dias de inverno, sempre que convido a Vanja, minha esposa, para sair e ela não quer ir, ela usa a seguinte desculpa:
- Deus me livre! Você não está vendo que está chovendo?
Prontamente, respondo:
- Minha filha, você não sabe que chuva, pra mim, é água!
E saímos.
Mas, nos dias chuvosos, sempre que ela me convida para sair e eu não quero ir, respondo:
- Deus me livre! Você não esta vendo que está chovendo?
Insistente, ela retruca:
- Ôxente, e a chuva, para você, não é água?
Então, matreiramente, respondo:
- É, mas molha...
E ficamos em casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário